Hackers ! Ser ou não ser, eis a questão.

 

Nunca a questão hacker esteve tão exposta, e nunca foi tão comentado no Brasil e no mundo.

 

O tema hacker confunde em um turbilhão de sentimentos, de um lado ele motiva os adolecentes que falam com orgulho “hackeei o orkut do joão“, é uma espécie de status juvenil, coisa do mundo moderno.

 

Hacker também é um tema sério para governos, vimos isto quando códigos maliciosos (virus) estava no oriente médio tentando capturar informações sobre o programa nuclear do Irã, teriam vindo do Estados Unidos ?

 

Também tem acontecido diversos ataques e programas maliciosos vindo da China com objetivo direto de capturar documentos americanos, Sul Coreanos e países fortes do ocidente.

 

O Filme Matrix explorou o tema Hacker de uma maneira romântica, com pitadas fortes de temas técnicos reais.

 

Hoje vemos os grupos de hackers LulzSec e Anonymous que tem um ideal (segundo eles) de denunciar a injustiça e corrupção através de ataques hackers e captura dos documentos.

 

Fora de tudo isto, existem as empresas de Segurança da Informação ( sim , elas existem ), nem tudo se resume a um sujeito anônimo operando românticamente para invadir alguma organização.

 

Mas provavelmente, os hackers representam aquela parte da Informática que ainda não foi definido nem estabilizado, todos esquecemos que o mundo nem sequer absolveu a informática, ainda não temos padrões como tem por exemplo o mundo da mecânica por exemplo, e as empresas não querem mesmo ter padrões para ter seus clientes presos a elas, alguém tem dúvida que vivemos um mundo sem lei no setor de T.I. ?

 

Mais …

GizModo lista os maiores Hackers da história

EkoParty – Hacker, uma atividade de Interesse público ?

 

 

 

 


 

Deixar uma resposta

Confirmação anti-spam *